Festa nos Estorninhos

Ontem ao fim da actuação do Rafael no Celeiro, o Sr. Hélder Conceição convidou-nos para a festa dos Estorninhos, onde haveria uma competição de cão de parar.

Os Estorninhos ficam a uns 10 Km de Conceição de Tavira, mas estão bem sinalizados, com placas em todos os cruzamentos. A estrada e a paisagem é agradável, com montanhas baixas.

O Sr. Hélder é presidente da Associação Agro-Cinegética dos Estorninhos desde 2002, com uma sede nova construída entre 2006 e 2014. A festa do monte acontece desde que a associação foi fundada em 1998.

A competição estava anunciada para as 15h30, mas só começou depois das 17h30. Mas também só havia um concorrente: José Manuel, emigrante em França de férias em Portugal, e que foi convidado especial. Em vez de uma competição, tivemos uma demonstração.

Para a demonstração, o Sr. Sérgio Barradas foi buscar uma caixa de perdizes numa camioneta. As perdizes eram atordoadas, girando-lhes a cabeça à volta, e colocadas no terreno.

Os cães tinham de farejar a perdiz e parar, apontando para o local de onde vinha o cheiro.

Entretanto a perdiz tinha recuperado, assustava-se, e voava para a liberdade, com os cães a correr inutilmente atrás dela. Numa situação de caça, seria a oportunidade de o caçador as abater.

O treinador José Manuel saiu com os seus três cães um de cada vez, e depois em conjunto. No total, foram libertadas quatro perdizes, mais uma que escapou ainda antes de a demonstração começar.

Segundo o Sr. Sérgio Barradas (colocador das perdizes), os cães trabalhavam pouco, pois era o dono a conduzi-los. E a primeira perdiz foi colocada com a cabeça debaixo da asa, e presa por um pau com uma pedra em cima. Uma situação boa para treinar os cães, mas menos impressionante numa demonstração. Também acha que esta raça de cão seria inútil nos montes algarvios, pois não conseguiriam entrar pelo meio dia arbustos.

Em resposta a uma pergunta, o Sr. José Manuel (dono dos cães) anunciou que não planeia treinar mais cães. Um cão dura uns 14 anos, ele já tem 70, e não quer deixar cães abandonados.

A festa continuaria com a actuação de Arcílio Palma, que fotografei a ensaiar o som.


Associação Agro-Cinegética dos Estorninhos:

blogroll

social